Rede Voltaire

O Hamas interdita as duas rodas às mulheres

+

A polícia de Gaza interditou as duas rodas às mulheres. Até agora, era raro ver mulheres a conduzir bicicletas e motos, mas frequente vê-las estilo amazonas como passageiros na parte de trás de um duas rodas.

Segundo o Hamas, as duas rodas exigem que se use calças, o que não será adequado para as mulheres que devem vestir um vestido comprido. Por conseguinte, mesmo que tal não seja especificado pela Lei de Trânsito Rodoviário de 2000, o facto de uma mulher andar num duas rodas é passível de uma multa de 200 shekels (57 dólares).

De acordo com o Coronel Mahar Alli, «não se deve interpretar mal a decisão. O Hamas é pela igualdade de géneros e não se trata aqui de discriminação. É uma medida de segurança pública».

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.