Rede Voltaire

Os Quads preparam um contra-projeto à Rota da Seda

+

Os Estados Unidos renovaram o Quadrilateral Security Dialogue (Diálogo Quadrilateral de Segurança - QSD), dito "Quads", um grupo anti-chinês composto com o Japão, a Austrália e a Índia de 2007 a 2010. Fora Camberra quem, depois de uma mudança de governo, havia feito colapsar esta estratégia.

A Administração Trump prepara um contra-projecto à iniciativa chinesa de criação de novas vias de comunicação baseadas no modelo da antiga Rota da Seda.

Em 2009, o Partido Comunista Chinês escolhera o General Xi Jinping para elaborar um sistema de comunicação comercial cobrindo todo o planeta. Ao tornar-se Presidente, Xi revelou progressivamente este projecto, passando por quase 70 países, com um custo de 124mil milhões (bilhões-br) de dólares.

Os Quads reuniram-se em Novembro de 2017, à margem da cimeira da ASEAN. As grandes linhas do seu contra-projecto serão discutidas na Casa Branca, a 23 de Fevereiro de 2018, pelo Primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnboll, e pelo Presidente Donald Trump.

Em Dezembro, o governo australiano publicou o seu 2017 Foreign Policy White Paper (Livro Branco da Política Externa de 2017- ndT ) no qual preconizava o envolvimento dos Estados Unidos contra a China.

A 15 de Fevereiro de 2018, o Almirante Kurt Tidd, patrão do SouthCom, havia denunciado violentamente o risco que a Rota da da Seda fazia correr à influência dos Estados Unidos.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.