Rede Voltaire

A Rússia acusa o Reino Unido de estar envolvido no caso da Ghuta

+

O Ministro russo dos Negócios Estrangeiros (Relações Exteriores-br), Sergueï Lavrov, denunciou o papel de um serviço secreto ocidental russófobo na encenação dos “Capacetes Brancos” sobre uma pretenso ataque químico na Ghuta.

O porta-voz do Exército russo, Igor Konachenkov, esse, directamente, colocou em causa o Reino Unido.

Estas declarações surgem quando um novo testemunho sobre este caso deveria ser tornado público pela Síria

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.