Rede Voltaire

Os peritos suíços identificam o veneno dos Skripal

+

Segundo o Instituto Suíço para a Proteção das Armas Nucleares, Biológicas e Químicas (Schweizerisches Institut für ABC-Schutz), o veneno recolhido em Salisbúria, pelos investigadores da OPAQ no «caso Skripal», é o «BZ» .

O termo «Novichok» designa um programa de pesquisa soviético e não uma substância originada deste programa.

O «BZ» é um neurotóxico da OTAN, agindo entre 30 a 60 minutos e com um período de duração de 2 a 4 dias. A URSS, depois a Rússia, jamais trabalharam com esse tipo de substância.

O Instituto Suíço para a Proteção de Armas Nucleares, Biológicas e Químicas é uma referência mundial neste campo. Ele realizou esta análise a pedido da OPAQ.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.