Rede Voltaire

Os “Cinco Olhos” contra a Huawei

+

Washington solicitou a Ottawa a detenção de Meng Wanzhou e a sua extradição. A jovem é directora financeira e filha do fundador da Huawei, o gigante chinês de telecomunicações. Ela foi detida no Canadá a 6 de Dezembro de 2018.

A guerra empreendida por Washington contra a Huawei tem uma razão profunda e uma quantidade enorme de justificações de fachada.

O fundo do problema é que a firma chinesa utiliza um sistema de encriptação que impede a NSA de interceptar as suas comunicações. Inúmeros governos e serviços secretos no mundo não-ocidental começaram a equipar-se exclusivamente com material da Huawei a fim de proteger a confidencialidade das suas comunicações.

As justificações de fachada são alternadamente de roubo de propriedade intelectual, de comércio com o Irão e a Coreia do Norte, e de violar as regras de concorrência, beneficiando-se dos subsídios nacionais.

Os Estados-Membros do sistema de espionagem electrónica dos “Cinco Olhos” --- Austrália, Canadá, Estados Unidos, Nova Zelândia, Reino Unido--- começaram a excluir a Huawei dos seus concursos públicos (licitações-br).

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.