Rede Voltaire

Exército ucraniano usa fraudulentamente o logotipo da ONU

+

O exército ucraniano utilizou de forma fraudulenta, a 13 de maio de 2014, um helicóptero Mil Mi-24 arvorando as cores da ONU para atacar os federalistas.

A 25 de abril, o governo ucraniano havia denunciado a prisão de oito inspetores militares por federalistas em Slavjansk, indicando que eles fariam parte de uma delegação da OSCE. Os Federalistas, quanto a eles, declaravam ter detido espiões, argumentando que a única missão aprovada pela OSCE compreendia 500 inspetores civis e nenhuns militares.

Estes inspectores militares (quatro alemães, um checo, um polonês, um dinamarquês e um sueco) agiam no âmbito de uma inspeção bilateral negociada entre o exército ucraniano e administração não-político da OSCE. O seu mandato não podia ser, em nenhum caso, o de intervenção num conflito interno.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.