Rede Voltaire

Os Estados Unidos vão vender armamento de cerca de $1 bilião de dólares ao Paquistão

+

De acordo com a Agência de Cooperação da Defesa (DSCA), o Departamento de Estado norte-americano autorizou a venda ao Paquistão de 952 milhões de dólares de armamento, incluindo 15 helicópteros de ataque Viper e 1.000 mísseis Hellfire II.

No caso em que o Paquistão se juntasse à Coligação (coalizão-br) militar em formação à volta da Arábia Saudita, o armamento fornecido pelos Estados Unidos poderia ser usado para manter a Ordem imperial no mundo árabe.

Na mesma altura, o juiz do Supremo Tribunal de Islamabade, Shaukat Aziz Siddiqui, decidiu pronunciar o consultor jurídico da CIA, John A. Rizzo, e o antigo chefe da delegação da Agência no Paquistão, Jonathan Bank por assassínio, conspiração, terrorismo e guerra contra a Nação.

John A. Rizzo aposentou-se em 2010. Ele foi um dos principais assessores jurídicos da Agência durante mais de 30 anos. Ele está implicado no assassinato de líderes políticos desde os anos 70, no “affaire” Irão-Contras, no condicionamento pela tortura, e nos assassínios por drones. Ele publicou as suas memórias: Company Man : Thirty Years of Controversy and Crisis in the CIA («O homem da Companhia : Trinta anos de Controvérsia e Crises na CIA»- ndT) .

Jonathan Bank foi repatriado para os Estados Unidos em 2010, após Kareem Khan ter apresentado uma queixa contra ele pela morte do seu filho, Zaenullah Khan, e do seu irmão, Asif Iqbal, num ataque de drone a 31 de Dezembro de 2009.

Se forem condenados, os dois funcionários dos E.U. arriscam, no pior dos casos, ser alvo de um mandado de captura internacional e não mais poderem viajar sob a sua verdadeira identidade.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.