A polícia italiana prendeu em Nápoles um Iraquiano de 46 anos, Ehsan Aziz, que fazia o papel de oficial de ligação entre o Daesh (E.I:) e a «Camorra» (organização mafiosa da Campânia).

As autoridades evocam igualmente os laços do Daesh com a «Cosa Nostra» na Sicília e a «Ndrangheta», na Calábria.

Desde Setembro de 2014, o Daesh controla o tráfico de heroína afegã. No entanto, até agora estas informações só haviam sido divulgadas pelo Serviço Russo de contrôlo de estupefacientes, jamais pelos responsáveis da Europa Ocidental [1].

Tradução
Alva

[1] «La famille Karzaï confie le trafic d’héroïne à l’Émirat islamique» («A família Karzai confia o tráfico de heroína ao Emirado Islãmico»- ndT), Réseau Voltaire, 29 novembre 2014.