Rede Voltaire

O Exército britânico prepara-se para reprimir motins anti-Brexit

+

Segundo o Sunday Times de 18 de Novembro de 2018, o Exército britânico foi encarregado de se preparar para manter a ordem nas grandes cidades do Reino Unido ao lado da polícia.

Face à rigidez da União Europeia, a Primeira-ministra Theresa May não conseguiria chegar a um acordo com Bruxelas.

A União Europeia rejeitou a proposta britânica de permanecer no Mercado Comum assim que o Reino Unido tiver deixado as obrigações supranacionais do Tratado de Maastricht. Muito inquieta quanto a um possível efeito de contágio do Brexit, a União ameaçou reactivar a guerra de libertação nacional da Irlanda do Norte se o Reino Unido não aceitasse um acordo dissuasivo para os outros Estados-Membros.

Em caso de fracasso das negociações, a burguesia pró-União Europeia poderia desencadear tumultos.

Operation ‘No Deal’ — army plans for troops on street”, Tim Ripley and Mark Hookham, The Sunday Times, November 18, 2018.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.