Rede Voltaire

O movimento dos Coletes Amarelos estende-se pela França, Bélgica e na Bulgária

+

O movimento de «Coletes Amarelos», que começou, em 17 de Novembro de 2018, na França metropolitana, estende-se para os Departamentos ultramarinos, para a Bélgica e para a Bulgária.

Segundo o Ministério francês do Interior, o pico de manifestantes teria sido atingido no dia 18 de Novembro, às 17h, com 287. 710 pessoas. Não existe nenhuma outra contagem disponível tornando este número inverificável. Além disso, não dá ideia da mobilização já que os manifestantes organizam piquetes de guarda.

Sendo o movimento pacífico, surtos de violência estalaram de maneira esporádica sem que se possa distinguir se provêm de manifestantes ou de provocadores. Eles são amplamente noticiados pelos principais média (mídia-br), os quais tentam assim desacreditar este movimento.

Num Departamento francês do Oceano Índico, a ilha da Reunião, o toque de recolher foi decretado em 14 das 34 comunas.

O movimento não tem organização e propaga-se via Internet. Ele mobiliza principalmente as classes médias, primeiro nas zonas rurais, e agora igualmente nas cidades. Ele insurge-se contra uma pressão fiscal excessiva.

Na Assembleia Nacional, a 21 de Novembro, o antigo candidato à eleição presidencial de 2017, Jean Lassalle, violou deliberadamente as regras usando um colete amarelo durante as sessões de perguntas ao Governo. O Presidente da Assembleia, Richard Ferrand, anunciou que lhe serão aplicadas sanções.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.