O Presidente Donald Trump deu uma entrevista ao site da web Axios [1].

Aí, ele confirma o que estamos afirmando desde há dois anos. A saber, que não aprova a estratégia fixada por Elliott Abrams de reconhecimento de Juan Guaidó como presidente em substituição de Nicolás Maduro, de confisco de bens da Venezuela no exterior, de inculpação de líderes venezuelanos acusados de narcotráfico, e de apoio aos grupos putschistas.

O Presidente Trump declara que o Presidente Maduro pediu um encontro, e que ele não se opõe a isso mesmo se no momento não aceitou.

Tradução
Alva

[1] “Exclusive: Trump cold on Guaidó, would consider meeting Maduro”, Jonathan Swan, Axios, June 22, 2020.