Uma conta de Facebook aberta por um leitor a fim de difundir os artigos de Thierry Meyssan foi pirateada.

Thierry Meyssan, por si mesmo, jamais abriu qualquer conta no Facebook.

As afirmações e imputações que lhe são atribuídas quanto a esta conta são grotescas.

As únicas fontes oficiais de Thierry Meyssan são
- o sítio internet da Rede Voltaire (www.voltairenet.org)
- e os seus livros publicados pelas Edições Demi-Lune (www.editionsdemilune.com).

Desde o seu regresso a França, após 13 anos de ausência, Thierry Meyssan foi objecto de denuncias caluniosas junto de várias entidades. O sítio Internet do Réseau Voltaire (Rede Voltaire-ndT) foi atacado por potentes computadores localizados no Canada (3 milhões de pedidos por hora), nos dias 27 e 28 de Outubro.

Tradução
Alva