Neste verão, 7 milhões de Iraquianos sem água ?
Rede Voltaire

Neste verão, 7 milhões de Iraquianos sem água ?

+

Segundo o Ministro iraquiano dos Recursos Hidraulicos, cerca de 7 milhões de pessoas poderiam ficar privadas de água neste verão e iriam ver-se forçadas, assim, a ser deslocadas.

Vários cursos de àgua viram o seu nível baixar, drasticamente, desde há um ano.

Nas fotos acima, vê-se uma das principais bacias de retenção, fotografada a 25 de Maio de 2017 (à esquerda) e um ano mais tarde (à direita). A baixa do nível de água é impressionante.

Este fenómeno súbito não seria devido às modificações do clima, mas, antes à entrada em serviço de barragens no Irão e na Turquia.

O Irão passa igualmente por um grave problema de suprimento hídrico, consumindo os iranianos mais do dobro da água por pessoa que os seus vizinhos. A República Islâmica lançou-se, pois, num vasto programa de construção de barragens.

O governo Iraquiano considera, portanto, que as novas construções iranianas não são justificadas. Teerão deveria educar os seus cidadãos para um uso mais razoável da água. O Iraque estima que, tendo em conta esse desperdício, o Irão viola vários tratados internacionais ao construir novas barragens. O caso deverá ser levado à Justiça.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.