Rede Voltaire

Tiros de morteiro a partir de Gaza

+

A 29 de Maio de 2018, 25 obuses de morteiro foram disparados de Gaza sobre Israel. A operação foi cuidadosamente preparada e não foi antecipada pelos Serviços de Inteligência israelitas. O disparos ocorreram de forma coordenada às 06h :59 precisas, a partir de vários pontos, ao longo da fronteira.

Os disparos foram de muito curto alcance tornando a intercepção dos obuses pela "Cúpula de Ferro" muito aleatória. Não houve, no entanto, vítimas nos locais atingidos.

Trata-se da operação militar mais importante em Gaza desde a «Operação Chumbo Duro», há uma década atrás.

Embora Israel considere o Hamas como responsável pelo ataque, na sua condição de governante de Gaza, este parece ter sido realizado pela Jiade Islâmica.

Este grupo é armado e financiado pelo Irão. Parece que alguns dos seus responsáveis estão inquietos pelas negociações secretas actuais entre Teerão e Telavive, na Jordânia. A operação de 29 de Maio poderia ser um meio para a Jiade Islâmica mostrar as suas capacidades e buscar a ajuda da Turquia, que deseja envolver-se um pouco mais na Palestina.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.