Rede Voltaire

A Arábia Saudita, os Emirados e a França contra os Hutis no Iêmen

+

A Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos atacaram as forças Hutis no Iêmen (Iémene-pt) na região de Hodeida. Segundo o Le Figaro, são apoiados pelas Forças Especiais Francesas.

O diário precisa que a França estará igualmente encarregada da desminagem dos portos no seguimento da batalha; uma ajuda que os Estados Unidos se recusaram a fornecer.

A Arábia Saudita tenta reunificar o Iêmen, enquanto seu aliado Emiradense aposta por uma nova partição do país. Se ignora como a França encara o futuro do país.

A França colocou secretamente Forças Especiais na Síria, no Iraque e no Iêmen. Cerca de 60 soldados franceses foram aprisionados na Síria no decurso das últimas semanas.

« Yémen : la France prête à déminer le port d’al-Hodeïda » («Iêmen : a França pronta a desminar o porto de Al-Hodeida»- ndT), par Georges Malbrunot, Le Figaro, 16 juin 2018.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.