O livro foi aberto na Embaixada do Haiti em Havana. Lazo, esteve acompanhado pelo ministro cubano das relações exteriores Bruno Rodríguez Parrilla, que também manifestou seu pesar pela tragédia estampando sua assinatura.

Lazo reiterou a tristeza dos cubanos pelo sofrimento do povo irmão e seu incondicional apoio e solidariedade para com os haitianos.

O vice-presidente cubano foi recebido por Victor Généus, embaixador da República do Haiti a Cuba, quem agradeceu calorosamente o auxílio médico cubano neste momento terrível.

Fonte
Agence Cubaine de Nouvelles

Agencia Cubana De Noticias