Rede Voltaire

Macron consegue negociar a libertação de Hariri

+

O Presidente francês, Emmanuel Macron, que tinha sido chutado para fora aquando da sua visita a Riade, obteu finalmente a libertação do Primeiro-ministro libanês Saad Hariri, detido com a sua família na Arábia Saudita.

Depois de os Estados Unidos e a Rússia terem chamado a Arábia Saudita à razão, a França convidou oficialmente Hariri e a sua família para Paris. A Arábia Saudita teria aceite.

Para salvar a face ao Rei Salman, a França, dando mais uma vez um volte-face, reiterou imediatamente posições anti-iranianas.

Tradução
Alva

Rede Voltaire

Voltaire, edição internacional

Este artigo encontra-se sob licença creative commons

Poderá reproduzir livremente os artigos da Rede Voltaire desde que cite a fonte, não modifique o conteúdo e não os utilize para fins comerciais (licença CC BY-NC-ND).

Apoiar a Rede Voltaire

Utilizando este site poderá encontrar análises de elevada qualidade que o ajudarão a formar a sua compreensão do mundo. Para continuar com este trabalho necessitamos da sua colaboração.
Ajude-nos através de uma contribuição.

Como participar na Rede Voltaire?

Os participantes na rede são todos voluntários.
- Tradutores de nível profissional: pode participar na tradução de artigos.